economiacapixaba

Archive for the ‘Desenvolvimento Sustentável’ Category

O bem comum

In Ciência Política, Desenvolvimento Sustentável, Uncategorized on 02/06/2014 at 12:48

Por: Arlindo Villaschi

6a00d834558ca469e20134852a2107970c-800wiA ideia de bem comum pode ser associada a uma deliberação conjunta voltada para a formação de uma sociedade à qual todos passam a prestar obediência mediante o respeito à vontade geral.

Para que esse respeito ocorra, recorre-se a instituições que devem também preservar os direitos naturais dos indivíduos.  Leia o resto deste post »

DINÂMICA DO ARRANJO PRODUTIVO DE SAÚDE DA GRANDE VITÓRIA-ES

In Desenvolvimento Capixaba, Desenvolvimento Sustentável, Uncategorized on 08/10/2013 at 8:32

Por: Ednilson Silva Felipe, Arlindo Villaschi, Philipe Alvarenga, Bianca Mello

article_imageEmbora o tema saúde seja de importância vital para o entendimento da qualidade de vida de qualquer população, os economistas ainda se debruçam pouco sobre esse tema e sobre suas relações com a economia. Na composição do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de um país, por exemplo, a melhoria dos indicadores de saúde e o fortalecimento de sua institucionalidade – no sentido de ser capaz de assegurar serviços qualificados – sugere que existe uma relação estreita e positiva entre saúde, educação, renda e bem estar.    É nítido, ainda, que o tema guarda estreitas relações com outras áreas e variáveis sociais, dentre elas: condições sanitárias domiciliares, saneamento básico e segurança alimentar. De uma forma geral, pode-se dizer de uma relação entre esses pontos e a economia que precisam ser devidamente estudados e entendidos, para que, por essa ótica, novas políticas públicas possam ser desenhadas e implementadas.

Leia o resto deste post »

Por uma Vitória mais valorizada*

In Desenvolvimento Sustentável on 18/06/2013 at 18:23

Por: Arlindo Villaschi

vitóriaComo uma boa casa de frente para o mar, o lar comum a quem em Vitória mora, nela trabalha ou por ela circula precisa de uma varanda que valorize sua privilegiada posição do belo e rico Oceano Atlântico. Para dar início a essa valorização, um primeiro esforço poderia ser feito no sentido de (re) pensar a ligação entre o Iate Clube, na Praia do Canto, e a sede do Álvares Cabral, em Bento Ferreira.

Leia o resto deste post »

Estamos ricos!!!

In Desenvolvimento Capixaba, Desenvolvimento Sustentável, Finanças Públicas on 13/06/2012 at 11:22

Por: Arlindo Villaschi

Durante algum tempo, o Espírito Santo se viu como o ‘patinho feio’ da Região Sudeste e/ou como o rejeitado pelos irmãos da Região Nordeste.  Isso mudou nos últimos cinquenta anos: de ‘Nordeste sem Sudene’ no final dos anos 1960, passamos a ‘Sudeste com incentivos’ já no final do século passado.  Entretanto, apesar do bom desempenho da economia como um todo, por razões estruturais, as finança públicas estaduais ainda assim mantinham-se defasadas em termos de receitas. Com a exploração de gás e de petróleo na costa capixaba e o correspondente recebimento de royalties e participações especiais também essa situação de escassez de recursos nos cofres públicos do estado e dos municípios mudou.  Estamos ricos!!!!!

Leia o resto deste post »

Meio Ambiente na Agenda Política Local

In Desenvolvimento Sustentável on 05/03/2012 at 13:13

Por: Erika Leal

Este ano teremos eleições municipais. Em nosso estado, não diferentemente de outras regiões do país já contamos com diversas pesquisas sobre quais temas deverão nortear os discursos dos candidatos a prefeito. Os temas tradicionais são saúde, educação, habitação, emprego, segurança, trânsito, obras de infra-estrutura, lazer, entre outros.

Nos últimos anos, assim como no campo científico há diversos pesquisadores voltados para o desenvolvimento de estudos que contemplam a questão relacionada ao meio ambiente; no campo político, numa velocidade ainda muito menor, os discursos começam pouco a pouco a inserir este tema na agenda.

Assim, consideramos o momento oportuno para falar da relevância da questão ambiental, sobretudo nos centros urbanos, e porque é tão difícil para os governantes dispensarem o tratamento realmente necessário a esta questão.

Na segunda metade do século XX, os governantes em âmbito global, fizeram uma série de Conferências Internacionais voltadas para a discussão e a proposição de ações voltadas à redução ou mitigação de problemas relacionados ao meio ambiente.

Leia o resto deste post »